>

TIVE

Autor:

Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Tenho visto o tempo passar

Na janela de meus olhos.

Tenho o tempo na janela

De meus olhos visto passar.


O tempo é sempre infinito,

Mas só em relação a si.

Meliante, pratica o delito,

E ainda pergunta: e daí?


Envelheço todos os dias,

Quer queira, quer não.

Na elegia das elegias,

Sou quase um ancião.


Vi morrer amores,

Vi morrer amados.

Vi irem-se as cores,

Namorei tantos pecados.


Conheci a doença,

Conheci a solidão.

Não pedi licença

Para dizer não.


Tive inveja, tive orgulhos,

Tive dor, fui admirado.

Do maior dos mergulhos

Só se sai bem molhado.


Tive mulheres, tive amigos.

Alguns que enterrei.

Muitos e vários abrigos

De que nunca esquecerei.


Tive sonhos, tive desejos,

Tive vitórias, tive derrotas.

Tive cansaços, tive bocejos,

Fui lento e gato de botas.


Jurei que queria

E logo deixei de querer.

Jurei que não faria

E fiz a quem amei sofrer.


Tenho visto o tempo passar

Na janela de meus olhos.

Tenho o tempo na janela

De meus olhos visto passar.

Voltar