>

CACHAÇA

Autor:

Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Na vida tudo passa.

Sem porem nem contudo.

Essa é parte da graça,

Uma forma de escudo.


A dor vence ou morre,

A angústia se aplaca.

Não há definitivo porre,

Nem mesmo ressaca.


A incerteza se esvai,

Ou finda-se esquecida.

Até quem muito trai

Encontra guarida.


Ao feio se acostuma,

O belo se gasta.

Mesmo a boa fortuna

Nem sempre se basta.


Chegar é parte do caminho,

Partir nem sempre é ir embora.

Difícil tomar sempre o mesmo vinho,

Mas o cavalo se acostuma à espora.


Na vida tudo passa.

Tudo, tudo, tudo.


Só não passa,

E não sei porquê,

O vício, a cachaça

De meu amor por você.

Voltar