SELVA

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Dizem que bandido

Também é gente.

Mas eu duvido,

Não sou conivente.


Errar todo mundo erra,

Pecar, todo mundo peca.

Mas água não sobe serra,

Pão duro não joga peteca.


Quem mata por gosto

E diz que rouba pra viver,

Não paga imposto

nem quer saber.


Quem faz do latrocínio

Profissão corriqueira,

Abandonou o patrocínio,

Queira ou não queira.


Quem toma selva por exemplo,

Que vá nela viver.

Porque a vida é templo

Que é preciso proteger.

Voltar