RITA

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Como é jeitosa minha Rita,

Está sempre flanando.

Nem precisava, mas é bonita,

Parada ou andando.


Como é dengosa minha Rita,

Está sempre sorrindo.

Às vêzes me irrita,

Sorrí até dormindo.


Como é doce minha Rita,

Não sabe dizer não.

Trata bem a qualquer visita,

Entrega logo o coração.


Como é fogosa minha Rita,

Faz amor como ninguém.

É única, minha favorita,

Com ela sou alguém.

Voltar