RELENTO

Autores:


Intérpretes:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Júlio dos Santos Oliveira Jr.


Tarde morna, de sol.

Um certo desalento.

Melodia em si bemol,

Cabeça ao relento.


Pensando na vida,

Sem compromisso.

Viajando na avenida

E gostando disso.


Lembrei-me de você,

Lembrei-me de nós.

Nossa bebida, o saquê

Que bebíamos tão sós.


Foi um amor diferente,

Cheio de silêncios brancos.

Parecia tão consistente,

Mas vivia só aos trancos.

Eu na minha e você na sua.

Gostávamos de estar juntos.

A verdade, nua e crua,

É que éramos quase defuntos.


Só deixavamos o tempo passar.

Esperando. Esperando o quê?

Talvez o amor chegar,

Talvez um programa na TV.


Hoje sinto saudade.

Foi um tempo gostoso.

No fundo e na verdade,

Foi um tempo precioso.

Voltar