PERIGO

Autores:


Intérpretes:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Ando meio chateado comigo

E acho que sei o motivo.

Uma certa sensação de perigo,

Que nem sempre é relativo.


Me descobri capaz de trair

E não me arrepender.

Capaz de mentir,

Quase sem perceber.


Aceitei amigos de conveniência

E nem fiquei envergonhado.

Afinal, a sobrevivência

Não se pode por de lado.


Disse eu te amo

Só pra ir para a cama.

Virei servo e não amo

De minha própria fama.


Passei a julgar as pessoas,

Como se não fosse uma delas.

Esqueci-me que as boas

Não cultivam tais mazelas.


Vendo tudo pelo avesso,

Desdenhando da simplicidade.

Me envolvendo em gesso,

Perdendo minha identidade.


Estou de mal comigo,

Preciso me reencontrar.

Ser, de novo, meu amigo,

Voltar, de novo, a amar.

Voltar