MISTÉRIOS

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Na vida há três mistérios,

Tão profundos quanto sérios.

O primeiro é o amor,

O segundo é a dor.


O terceiro é a sorte,

Inevitável como a morte.

Dos três é-se refém,

Como o mal é do bem.


Só nos resta vivê-los,

Apesar dos desvelos.

Chegam sempre devagar

E nos beijam a fartar.


Mistérios, mistérios tantos,

Uns malditos, outros santos.

Às vezes prêmio, outras castigo,

Às vezes altar, outras jazigo.

Voltar