LUA

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Sentado na areia,

Vendo a lua namorar o mar.

Noite de lua cheia,

Beijos ao luar.


Será que você pensa em mim?

Eu, só em você.

Esse amor sem fim,

Sem razão, sem porquê.


As ondas, como braço,

Erguendo-se na esperança

De chegar-lhe ao regaço,

Numa forma de balé, de dança.

O mar vestindo-se

Daquela luz mortiça,

Tão forte e bela,

Em sua preguiça.


O mar murmurando

Seu amor impossível,

Continua lutando

E ela quieta, impassível.


Tão distante, tão fria,

Nasce ao cair de cada tarde,

Em solene monarquia,

Em tirania covarde.

Voltar