EU

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Donni

Tenho estado aqui comigo,

Sózinho de um jeito só.

Por mais que busque abrigo,

Essa dor dói sem dó.


Não sei se gosto de mim,

Ou simplesmente de gostar.

O fato é que viver assim,

Bom resultado não há de dar.


Embebi-me de sonhos tais,

Que um só seria o bastante,

Sem nunca ser demais,

Realizá-lo por um instante.

De todos o mais louco

É ser jovem até morrer.

Até porque parece pouco

Seguir vivendo sem viver.


Perdi-me de mim mesmo

Nos descaminhos da vida.

De nada vale andar a esmo

Procurando incerta saída.


Sou apenas o que sou

E não sei se gosto disso.

Sei quanto custou,

Porque fui tudo, menos omisso.

Voltar