ESCRITURA

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Pan

No cartório da vida

Passei a escritura.

São suas, todas suas, querida,

Minha dor e amargura.


Viver, sem você,

É estúpido e impossível.

Viver, com você,

É triste e inacessível.


Minha única esperança

É o usucapião.

Já fiz com Deus aliança,

Implorando proteção.


Se tudo não der certo,

Não tem importância.

Não se afaste, fique perto,

Preciso muito dessa fragrância.

Voltar