CONDE

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Você gosta tanto, tanto de você,

Que não cabe mais ninguém.

Não passo de um bassê,

Mais um no seu harém.


Eu telefono e você some,

Mando sms, você não responde.

Não sabe nem meu sobrenome,

Mas me chama de conde.


Convido para ir ao cinema

E você tem que estudar.

É simples o nosso problema:

Você não sabe namorar.


Você quer um escravo,

À sua mandante disposição.

Sempre perto e nunca bravo,

Seja qual for a situação.


Ouça, porque direi só uma vez,

Custe o quê me custar:

Vou deixar de viver a três,

Sou servo do amor, não do amar.

Voltar