CANTIGA

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Cantiga de roda,

Nunca sai de moda.


Duendes, fadas e mistérios,

Em universo paralelo,

São assuntos sérios,

Vestidos de amarelo.


Cantiga de roda,

Nunca sai de moda.

Dragões, elfos e gigantes

Existem de verdade.

E são todos como antes,

Todos sem maldade.


Cantiga de roda,

Nunca sai de moda.


As bruxas são princesas,

Por magia encantadas.

Tantas as surpresas

A serem contadas.

Cantiga de roda,

Nunca sai de moda.


Que bom ser criança,

Que bom ser feliz.

Doce é a lembrança

Da vida sem juiz.


Cantiga de roda,

Nunca sai de moda.

Voltar