AMAR É

Autores:


Intérprete:

Júlio dos Santos Oliveira Jr.

Paulo D'Elia

Paulo D'Elia

Amar é dar presentes.

Caros, de preferência.

Agir em várias frentes,

Nunca perder a paciência.


Amar é frequentar motel

Uma vez por mês.

Fingir que se está no céu

Toda e cada vez.


Amar é jantar fora

Toda semana.

Viver só o agora

Cheio de gana.


Amar é trocar fralda

Toda madrugada.

Não ver quem se esbalda

E falar nada.


Amar é ter uma mulher

E esquecer as demais.

É ficar, enquanto puder,

Fingindo os mesmos ais.


Amar é ficar junto,

Mesmo que separado.

Não ter mais assunto

E pensar só em pecado.


Amar é quase mágico,

Mas é pura bobagem.

Já que o mais trágico

É perder a viagem.


Voltar